Nosso Rio Guri

Nosso Rio Guri

sexta-feira, 26 de maio de 2017

Bacia do Araçá objeto de estudos da ULBRA

O Curso de Engenharia Civil da ULBRA está iniciando estudos e pesquisa na Bacia do Arroio Araçá com parceria dos projetos ambientais Arroio Araçá Nosso Rio Guri e BiodiverCidade.


POTENCIALIDADES DE DIAGNÓSTICO
(ONDE, QUANTO, QUEM, COMO...)
CONDIÇÕES ORIGINAIS X ATUAIS
OCUPAÇÃO DE FATO X OCUPAÇÃO PLANEJADA
APP ORIGINAL X APP ATUAL
SISTEMA DE DRENAGEM
SISTEMA DE ESGOTAMENTO SANITÁRIO
RESÍDUOS SÓLIDOS
SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA
FRAGILIDADES / OPORTUNIDADES

ENGEPRAXIS ULBRA/CANOAS - AÇÕES EM SANEAMENTO AMBIENTAL

Objetivo Geral
Prestar apoio para elaboração de soluções em saneamento ambiental (água, esgoto, resíduos sólidos e drenagem urbana), para o desenvolvimento sustentável das comunidades, visando a melhoria da qualidade de vida, através da contribuição do desenvolvimento de uma consciência voltada à sustentabilidade
Resumo
Com o objetivo de contribuir para a melhoria da qualidade de vida da comunidade dos municípios de Canoas e Nova Santa Rita, o projeto ENGEPRAXIS visa identificar as necessidades e soluções em saneamento ambiental (abastecimento de água, esgotamento sanitário, resíduos sólidos e drenagem urbana).
A metodologia adotada na primeira etapa, a ser desenvolvida em 2017, envolve a coleta de dados primários e secundários, pesquisas qualitativas, concepção de projetos e soluções de maneira integrada com a comunidade.
O produto a ser gerado nesta fase possibilitará demonstrar o diagnóstico do saneamento ambiental (SAA, SES, RSU, e drenagem) na área de abrangência e tem como relevância social a contribuição para o desenvolvimento de uma consciência voltada ao saneamento ambiental na comunidade envolvida.
Comunidade / Público Alvo
Neste primeiro ano do projeto, que visa a elaboração do diagnóstico do saneamento ambiental nos municípios de Canoas e Nova Santa Rita, o público alvo pode ser definido como a comunidade residente nesta área.
Metodologia
Serão aplicados questionários com referência espacial (coleta de dados primários georreferenciados) relacionados às carências e riscos associados à falta de saneamento;
O fechamento dos diagnósticos do saneamento ambiental será realizado através de ferramentas de geoprocessamento, onde os dados pertinentes ao tema serão contemplados em uma planilha de análise, que vai apontar informações conclusivas em termos de "onde", "quanto", "quando", "como" e "por que" se encontram no estágio identificado;
Ao longo da elaboração do projeto e sempre que se tenham informações do avanço do trabalho serão divulgadas as ações concretas e seus resultados, através de ferramentas de T.I. e redes sociais disponibilizadas pela ULBRA;
Pretende-se realizar o fechamento do diagnóstico através de um evento público onde serão apresentadas imagens das ações concretas de coleta de dados e de contribuição para conscientização da comunidade envolvida acerca da importância do convívio harmônico com os recursos hídricos, através do manejo sustentável das águas urbanas.

A primeira reunião aconteceu na ULBRA em 04 de Abril de 2017, e a segunda, de apresentação, no dia 25 de abril na Associação de Moradores do Residencial Hércules.


Nenhum comentário:

Postar um comentário