Nosso Rio Guri

Nosso Rio Guri

sexta-feira, 26 de maio de 2017

Bacia do Araçá objeto de estudos da ULBRA

O Curso de Engenharia Civil da ULBRA está iniciando estudos e pesquisa na Bacia do Arroio Araçá com parceria dos projetos ambientais Arroio Araçá Nosso Rio Guri e BiodiverCidade.


POTENCIALIDADES DE DIAGNÓSTICO
(ONDE, QUANTO, QUEM, COMO...)
CONDIÇÕES ORIGINAIS X ATUAIS
OCUPAÇÃO DE FATO X OCUPAÇÃO PLANEJADA
APP ORIGINAL X APP ATUAL
SISTEMA DE DRENAGEM
SISTEMA DE ESGOTAMENTO SANITÁRIO
RESÍDUOS SÓLIDOS
SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA
FRAGILIDADES / OPORTUNIDADES

ENGEPRAXIS ULBRA/CANOAS - AÇÕES EM SANEAMENTO AMBIENTAL

Objetivo Geral
Prestar apoio para elaboração de soluções em saneamento ambiental (água, esgoto, resíduos sólidos e drenagem urbana), para o desenvolvimento sustentável das comunidades, visando a melhoria da qualidade de vida, através da contribuição do desenvolvimento de uma consciência voltada à sustentabilidade
Resumo
Com o objetivo de contribuir para a melhoria da qualidade de vida da comunidade dos municípios de Canoas e Nova Santa Rita, o projeto ENGEPRAXIS visa identificar as necessidades e soluções em saneamento ambiental (abastecimento de água, esgotamento sanitário, resíduos sólidos e drenagem urbana).
A metodologia adotada na primeira etapa, a ser desenvolvida em 2017, envolve a coleta de dados primários e secundários, pesquisas qualitativas, concepção de projetos e soluções de maneira integrada com a comunidade.
O produto a ser gerado nesta fase possibilitará demonstrar o diagnóstico do saneamento ambiental (SAA, SES, RSU, e drenagem) na área de abrangência e tem como relevância social a contribuição para o desenvolvimento de uma consciência voltada ao saneamento ambiental na comunidade envolvida.
Comunidade / Público Alvo
Neste primeiro ano do projeto, que visa a elaboração do diagnóstico do saneamento ambiental nos municípios de Canoas e Nova Santa Rita, o público alvo pode ser definido como a comunidade residente nesta área.
Metodologia
Serão aplicados questionários com referência espacial (coleta de dados primários georreferenciados) relacionados às carências e riscos associados à falta de saneamento;
O fechamento dos diagnósticos do saneamento ambiental será realizado através de ferramentas de geoprocessamento, onde os dados pertinentes ao tema serão contemplados em uma planilha de análise, que vai apontar informações conclusivas em termos de "onde", "quanto", "quando", "como" e "por que" se encontram no estágio identificado;
Ao longo da elaboração do projeto e sempre que se tenham informações do avanço do trabalho serão divulgadas as ações concretas e seus resultados, através de ferramentas de T.I. e redes sociais disponibilizadas pela ULBRA;
Pretende-se realizar o fechamento do diagnóstico através de um evento público onde serão apresentadas imagens das ações concretas de coleta de dados e de contribuição para conscientização da comunidade envolvida acerca da importância do convívio harmônico com os recursos hídricos, através do manejo sustentável das águas urbanas.

A primeira reunião aconteceu na ULBRA em 04 de Abril de 2017, e a segunda, de apresentação, no dia 25 de abril na Associação de Moradores do Residencial Hércules.


sexta-feira, 19 de maio de 2017

Parceria pela Natureza de Canoas

Os projetos Arroio Araçá Nosso Rio Guri, BiodiverCidade, Disponibilidade e Conservação da Água reúnem-se sistematicamente para desenvolver metodologias e saídas a campo no intuito de reunir informações e imagens, realizando ações de sensibilização para proteção da biodiversidade de Canoas.
Ilha das Garças Parque Delta do Jacuí

Representantes dos projetos participam de encontros nos Comitês de Bacias do Guaíba, Rio dos Sinos e Gravataí, além do Comitê do Arroio Sapucaia. 

A Bacia Hidrográfica do Arroio Araçá é um dos pontos de estudos e os materiais estarão sendo disponibilizados.





Ponto de Captação de água em Canoas e região de banhados e nascente da Cidade.



Foz do Araçá no Parque Delta do Jacuí.

Conversando com moradores no entorno das nascentes.


Encontro dos Projetos  com equipe da SMMA em uma saída a campo - Maio/17. 



Para acompanhar visite as páginas no facebook:

https://www.facebook.com/Arroio-Ara%C3%A7%C3%A1-Nosso-Rio-Guri-272889616494303/

https://www.facebook.com/BiodiverCidade1/

https://www.facebook.com/disponibilidadeeconservacaodaagua/

segunda-feira, 8 de maio de 2017

Caminhos sinuosos de um arroio

Um lago nascente neste caminho.
Fonte: http://www.diariodecanoas.com.br/_conteudo/2015/12/noticias/regiao/251380-parque-capao-do-corvo-completa-35-anos-neste-domingo.html


Rios e arroios não são retos, ao contrário, seguem seu trajeto em curvas cujas margens mudam constantemente conforme a vazão, posição, deposição e erosão. Devido a tal movimento algumas curvas podem se desligar do fluxo do manancial formando meandros e lagos, normalmente em formatos de U.

No mapa no ano de 1900, da região, pode-se observar a diferença do traçado do Arroio Araçá na atual avenida Inconfidência. 



O que se observa, no crescimento urbano das cidades, também, é que não há interesse ambiental em preservar o recurso natural, nem dos 30 metros estabelecidos na legislação, pois é,  e deve ser tratado como APP - área de preservação permanente. Ao contrário, ainda são autorizadas canalizações descaracterizando o manancial e, muitas vezes, criando outros problemas.

Há de se lembrar que um dos motivos do apoio à canalização é porque os arroios vão sendo transformados em valas, formando odores desagradáveis, principalmente em época de pouca chuva.

E assim a água vai desaparecendo, paulatinamente, com nossa concordância e ignorância dos riscos que corremos.

"A vida tem caminhos estranhos, tortuosos às vezes difíceis: um simples gesto involuntário pode desencadear todo um processo."

Caio Fernando Abreu - Jornalista Gaúcho

Bacia Hidrográfica do Arroio Araçá

Estudos dos Biólogos Daniel Santos - Projeto BiodiverCidade e Jaqueline Biolo - Disponibilidade e Conservação da Água, apresentam o mapa da bacia do Rio Guri que pode ser trabalhado em nossas escolas. 
O estudo parte do mapa divulgado pela SMMA e acontecem saídas a campo, realizado por uma equipe de pesquisadores - Maria Inês Pacheco, Rodrigo Muller, Nilce Bravo, Albert Welzel, que contam, ainda, com apoio de demais professores do município, que organizam eventos e palestras para a divulgação.
O traçado em azul apresenta o arroio em Canoas, e suas nascentes, nos pontos amarelos, sendo conhecidas.
Mais professores comungando com o propósito de conhecer e divulgar, pois os projetos se assemelham no seu objetivo de Conhecer para Preservar/Cuidar.


"Assim que tem que ser, cada vez mais pessoas e organizações conscientizando sobre a importância das fontes,arroios, etc., conforme os objetivos do Projeto Arroio Araçá Nosso Rio Guri."   
Roberto Henrique Redlich